Por que há preconceito em relação a regressão terapêutica?

Concordamos com algumas pessoas do movimento espírita que opõem-se à Terapia de Regressão pois, realmente, existem terapeutas realizando regressão sem cuidar com a Ética, conduzindo o processo, dirigindo a sessão, fazendo com que a pessoa veja coisas que não poderia ver, acessar fatos que não deveria acessar e até reconhecer pessoas com as quais convive hoje. Isso é errado, perigoso e, na nossa opinião, anti-ético.
A regressão tem uma ação terapêutica potencial que é poder desligar a pessoa de situações traumáticas de uma ou mais encarnações passadas, às quais está ligada, como se ainda estivesse lá, mas tudo está dentro do merecimento e quem sabe se a pessoa já merece libertar-se de uma situação traumática do seu passado é o seu Mentor Espiritual e não nós. Por isso não dirigimos as recordações, somos auxiliares do Mundo Espiritual. Essa é a grande diferença entre e Psicoterapia Reencarnacionista e outras terapias de regressão.
Uma grande parcela dos terapeutas de regressão, em todo o mundo, faz com que o seu paciente reviva apenas até o final do trauma do passado, mas isso pode ser uma regressão incompleta pois onde termina a regressão, fica a sintonia, e se ele, após o trauma, ainda não estiver bem?
Na Psicoterapia Reencarnacionista, a Regressão Terapêutica é apenas uma ferramenta de auxílio para que as pessoas encontrem a sua Personalidade Congênita, e não o objetivo principal, que é a Reforma Íntima.

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Consciência e Poder. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s