Reflexologia Podal

Reflexologia

Assistam ao vídeo: http://www.redetv.com.br/seligabrasil/video/315427/especialista-descobre-tudo-sobre-as-pessoas-pelos-pes.html

Durante alguns anos, Osni Tadeu Lourenço começou a idealizar uma teoria sobre condução nervosa e bloqueio do ATP (adenosina trifosfato), que é a nossa energia fabricada principalmente na organela celular, chamada mitocôndria, através da síntese da glicose. Continuou suas pesquisas e desenvolveu a teoria que é hoje ensinada e defendida entre acadêmicos e em sala de aula. A Reflexologia Método IOR foi assim chamada por dois motivos:

1. Para diferenciar Reflexologia Podal das massagens nos pés, que leva o mesmo nome;

2. Por ser idealizada, estruturada e finalizada pelo Prof.Osni, no IOR – Instituto Osni Tadeu de Reflexologia e Pesquisa.

Ao estimularmos corretamente os pontos reflexos mapeados nos pés (na Reflexologia Método IOR, não tonificamos nem sedamos, apenas damos estímulos), alcançamos dois resultados importantes. O primeiro é eliminar a bolha de sangue, que se formam nos pontos desequilibrados, e o segundo, mais significativo, é enviar uma informação diretamente ao cérebro, centro do Sistema Nervoso (SN), informando que o órgão correspondente ao ponto estimulado, por exemplo, o estômago, precisa ser cuidado, pois está “doente”. A descarga elétrica do próprio estômago para o cérebro não foi suficiente para que ele enviasse a devida ajuda, por meio de hormônios, enzimas, antiinflamatórios e assim por diante, pois o SN está abalado. Com o estímulo reflexo adequado, porém, o cérebro passa a responder e a fazer a manutenção do órgão, restabelecendo a saúde (equilíbrio) naturalmente. Isso se aplica tanto a males físicos como emocionais.

Esta teoria pode ser confirmada na prática. Quando estamos com uma algia (dor) qualquer, o local correspondente no pé também irá doer ao ser estimulado. Isto se dá por causa das descargas elétricas recebidas e formação das bolhas de sangue, como já visto. Contudo, ao tomarmos um analgésico e a dor no local afetado passa, ao estimularmos o ponto no pé não encontramos mais aquela dor. O que aconteceu com a bolha de sangue? Uma vez que não há patologia (distúrbio), não há “forte” descarga elétrica. Sem ela a bolha de sangue se desprende dos terminais nervosos e é fagocitada (absorvida) pelo sistema linfático.

O tratamento das disfunções orgânicas e emocionais recebe o nome de REFLEXOTERAPIA.

Venham conhecer esse trabalho e agendem uma avaliação gratuita, sem compromisso, preenchendo o formulário abaixo, pois faço parte da equipe de terapeutas do IOR.

Posts relacionados a Reflexologia:

“Não conseguimos engravidar! O que acontece?” – como a Reflexoterapia pode solucionar esse problema

Reflexologia: ótima terapia pré-natal

Reflexologia: Eficiência na avaliação física/emocional

Dor de cabeça? Quiropraxia/Reflexologia podem ajudar!

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Saúde e Bem-Estar. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Reflexologia Podal

  1. Ronaldo Barbosa disse:

    Ola Marcio, sou psicólogo a mais de 30 anos portanto um idoso e desde o início uso a reflexologia em meus atendimentos psicoterapeutas obtendo com isso um melhor andamento em minhas sessões. Gostaria muito de saber mais sobre sua técnica para aplica-la. Como isto pode ser possível ?

Deixe uma resposta para Ronaldo Barbosa Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s