Amor ou Apego?

amor ou apegoAmor e Apego, segundo Aurélio(dicionário), tem o mesmo significado: afeição por alguém ou por alguma coisa. O maior problema é que muitos as confundem, achando ser amor, mas que na verdade é apego. Vamos citar um exemplo: um rapaz completa 18 anos de idade, já trabalha desde os 16 anos, é aprovado a fazer um intercâmbio na Austrália, e contemplado com uma bolsa de estudos de 02 anos, na melhor universidade deste país. Feliz da vida com o ocorrido, pois havia se inscrito sem os pais saberem, chega em casa e dá a notícia alegremente. Qual a reação da “mãe apegada”? Eis o sermão: – “ Mas como você faz isto sem a gente saber? Acha que vai conseguir sobreviver tendo que cozinhar, lavar roupas, estar longe da família, do outro lado do mundo? Pode tirar o “cavalinho da chuva” pois não autorizo esta loucura! Para que sofrer, morar tão longe de casa, acha que vale a pena tanto sacrifício?” Como vemos, um discurso cheio de drama, que é o exagero do negativo, e preocupação, fantasia catastrófica e negativa da realidade. Já a “mãe amorosa”: – “Que legal filho, parabéns pela conquista! Se for realmente o que quer da vida e isto o fará feliz, vá com Deus que estaremos torcendo por ti, mesmo a milhares quilômetros de distância! Sentirei saudades mas sei que é capaz de “se virar” sozinho, pois é adulto e vacinado. Portanto, boa sorte!” Notaram a diferença? Nestes exemplos fica claro que o amor é liberdade, é dar asas, e não cortá-las; o oposto do apego, que é escravidão, ou seja, medo de perder o controle da situação. Palavras com o mesmo significado em termos gramaticais, mas que se mostram antônimas(contrárias) na prática.

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Consciência e Poder. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s