Liberdade

libertac3a7c3a3oÉ a faculdade de fazermos ou não qualquer coisa, ou seja, sermos livre para escolher que atitude tomar perante determinada situação. Isso não significa que podemos fazer o que desejamos, sem um critério de análise. Liberdade é fazer o que deve ser feito conforme a consciência, que é o nosso guia, nos manda ou nos intui. Apesar de possuirmos este poder de escolha(livre-arbítrio), muitos indivíduos ainda se sentem como uns passarinhos presos a suas gaiolas, engessados em um sistema ou em algo imaginário e não sabem que rumo tomar, acham que devem satisfação de seus passos a outros, a sociedade, enfim, como se estivessem sendo vigiados 24h por dia. Diz a lenda que numa terra em guerra, havia um rei que causava espanto. Cada vez que fazia prisioneiros, não os matava, levava-os a uma sala, que tinha um grupo de arqueiros em um canto e uma imensa porta de ferro do outro, na qual haviam gravadas figuras de caveiras. Nesta sala ele os fazia ficar em círculo, e então dizia:
-Vocês podem escolher morrer flechados por meus arqueiros, ou passarem por aquela porta e por mim lá serem trancados.
Todos os que por ali passaram, escolhiam serem mortos pelos arqueiros. Ao término da guerra, um soldado que por muito tempo servira o rei, disse-lhe:
-Senhor, posso lhe fazer uma pergunta?
-Diga, soldado.
-O que havia por trás da assustadora porta?
-Vá e veja.
O soldado então a abre vagarosamente, e percebe que a medida que o faz, raios de sol vão adentrando e clareando o ambiente, até que totalmente aberta, nota que a porta levava a um caminho que sairia rumo a liberdade e, admirado, apenas olha seu rei que diz:
-Eu dava a eles a escolha, mas preferiram morrer a arriscar abrir esta porta!

Quantas portas deixamos de abrir pelo medo de arriscar? Quantas vezes perdemos a liberdade, apenas por sentirmos medo de abrir a porta de nossos sonhos?

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Consciência e Poder. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s