Plexo Solar

Plexo solarConjunto de células nervosas que fica localizado a mais ou menos a quatro dedos acima do umbigo, e é um centro extremamente importante e devemos evitar tudo o que possa contraí-lo, pois, por sua vez, ele contrai os vasos sanguíneos e os diferentes canais do organismo. E quando o sangue ou os outros líquidos circulam mal, formam-se depósitos que, com o tempo, acabam por provocar toda a espécie de problemas. O que mais desequilibra o plexo solar são as manifestações desordenadas como o medo, a cólera, o ciúme, o amor-paixão. E como o plexo solar é o reservatório das forças, a consequência desta desarmonia é uma desmagnetização geral. No IOR-Instituto Osni Tadeu de Reflexologia e Pesquisa, é considerado o “Ponto da Preocupação(falta de )”, pois quando este é estimulado e a pessoa sentir muita dor, pergunta-se se ela passa por alguma situação referente a denominação deste ponto. Dentro do Universo Holístico, é um chakra intermediário e tem um papel determinante na saúde do indivíduo. Ele é uma área de passagem entre os fluxos energéticos da parte inferior e superior do corpo, sendo necessária uma abertura e um funcionamento equilibrado neste chakra para possibilitar que esta troca aconteça, promovendo uma integração no organismo humano. A localização deste terceiro chakra ascendente no corpo físico corresponde à sétima vértebra dorsal, ao plexo celíaco, à glândula pâncreas e aos órgãos do abdômen superior. No nível físico, este chakra rege o sistema do metabolismo, sendo o responsável pela regulação e distribuição da energia metabólica em todo o organismo. A função gástrica/digestiva é parte importante deste sistema e serve como uma medida da saúde deste centro energético. De acordo com Goswami (2006), as doenças dos nossos órgãos físicos podem ser causadas pelo desequilíbrio ou bloqueio dos movimentos da energia vital no chakra correspondente. Bloqueios neste chakra estão associados a doenças como, por exemplo, diabetes, hipoglicemia, disfunções no fígado, disfunções no baço, pedras na vesícula, úlcera gástrica e distúrbios da nutrição (BAILEY, 1978; LA SALA BATÀ, 1986; ANODEA, 1993; PAGE, 2001; GERBER, 2004). Em outro nível, este chakra está vinculado ao emocional e à habilidade que a pessoa desenvolve para lidar com os conflitos. Está associado à questão do poder pessoal do indivíduo, à sensação de controle sobre a própria vida, ao modo como ele vê a si mesmo em relação aos outros e como estabelece seus relacionamentos. Segundo Page (2001), ele funciona como um grande satélite esquadrinhando o ambiente o tempo todo em busca de informações que ajudem a pessoa a resolver de que forma agir. Por conta disso, é uma área bastante vulnerável e muitas defesas podem ser criadas aí, gerando uma tendência mais de reagir do que de agir de acordo com uma orientação interna. Para Boadella (1992), os conflitos básicos deste chakra se expressarão como uma identificação com o poder e a dominação, ou com a rendição ao poder dos outros (submissão), quando o desejável seria a combinação entre o próprio poder e o poder do outro em atitudes de cooperação.

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Saúde e Bem-Estar. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s