Acaso ou Coincidência?

coincidencia1Quando algo ocorre em nossas vidas, fatos alegres ou tristes, temos por hábito analisarmos e refletirmos o porquê de estarmos passando por determinadas situações. Será o acaso nos pegando de surpresa, ou mera coincidência do destino? Coisas que acontecem sem muita explicação lógica e racional, que nos levam cada vez mais a termos certeza e convicção de que não temos o controle de quase nada, apesar de todo um planejamento e metas traçadas.  Aquela viagem dos sonhos sendo preparada há meses para as próximas férias, economizando o máximo possível de recursos a fim de que não descontrole o orçamento, pesquisando quais os melhores roteiros, hotéis e companhia aérea, esta expectativa e empolgação toda, tudo isso pode ser interrompido inesperadamente por um motivo maior. Uma doença surge a nós mesmos ou a algum familiar, ou aparece uma proposta de emprego irrecusável, oferecendo o triplo do salário em uma mega empresa, e agora? E quando alguém perde um vôo, por um imprevisto qualquer, e mais tarde vem a notícia de que aquele avião sofre um acidente? Ou vice-versa, uma pessoa que acaba sendo encaixada numa vaga de algum ausente, e ocorre uma tragédia? A grande verdade é que tudo acontece conforme o roteiro escrito enquanto nos preparávamos para mais uma versão desta mesma peça teatral chamada VIDA. Portanto, nos lamentarmos com os eventos tristes, nos achando vítimas da situação e nos sentindo não merecedores de tal fato, é desperdício de tempo e energia, pois nada mais são que bênçãos enviadas pelo nosso PAI, e tudo é para o bem. A princípio pode parecer absurdo, como uma tragédia pode ser considerado um bem, uma benção? “Existem coisas reservadas pra gente que foge do nosso entendimento, mas que lá na frente vai fazer todo sentido, por isso nunca perca a !”(Reinaldo Gianecchini)

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Consciência e Poder. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s