Baço

baçoÓrgão tipo glandular linfóide (ligação entre órgão e linfócitosT) que faz parte do Sistema Imunológico. Sua localização é do lado esquerdo, sendo protegido pelas costelas da caixa torácica, onde tem contato com o pâncreas, o diafragma e o rim esquerdo. Suas dimensões são variáveis, mas devem sempre estar em um indivíduo adulto em torno de 200g, sendo que alterações em suas dimensões, servem de critérios diagnósticos, pois este é essencial para nossas defesas e para o tecido sanguíneo. Não é considerado uma glândula endócrina, pois não produz secreções, entretanto, no caso de certas doenças, libera um hormônio que afeta a produção dos glóbulos vermelhos (hemácias) do sangue na medula óssea. No feto, a função principal deste é a fabricação de hemácias e leucócitos (glóbulos brancos). Após o nascimento esta função é interrompida. Porém, esta função pode ser reiniciada posteriormente caso apareça alguma doença que debilite esta função na medula óssea.

As funções do baço podem ser agrupadas em dois conjuntos:

-HEMATOLÓGICAS: que consistem em remover e destruir as hemácias, tanto as que apresentam defeitos de forma como de função. Também remove as hemácias que estão tanto morfologicamente como fisiologicamente normais, pois sabemos que a vida média de uma hemácia circulante é de aproximadamente 120 dias, após este período ela é degradada no baço, sendo seus constituintes aproveitados para a síntese de novas hemácias.

-IMUNOLÓGICAS: que são os mecanismos de agressão(fagocitose), tanto exógenos(externos), como vírus e bactérias, como endógenos(internos) onde podemos citar células que se tornaram malignas, por alguma mutação em seu genoma.

25% do total de fagocitoses do organismo são feitas no baço, devido a sua rica vascularização, onde a grande quantidade de sangue circulante por este órgão promove a adesão de partículas estranhas ao organismo presentes no sangue em suas células que iniciam o processo de fagocitose e subsequente destruição destas partículas. Ele é também um reservatório de monócitos(glóbulos brancos) que ficam nesse órgão, quietinhos, sendo prontamente enviados para a corrente sanguínea quando as nossas defesas precisam de uma ajuda extra.

 

Sobre Marcio Higa

Pós-graduado em Telecomunicações, Bacharel em Ciência da Computação e Técnico em Mecânica. Está terapeuta há 15 anos, com formação em Reflexologia(Podal e Auricular) pelo IOR, Crochetagem(Técnica de Fisioterapia Manual) e Manobras Articulares(Quiropraxia e Osteopatia) pela ABCroch, e Psicoterapia Reencarnacionista, na qual é Ministrante, Palestrante e Coordenador Nacional dos Grupos de IINP(Investigação do Inconsciente Não Pessoal) da ABPR, e do Núcleo ABPR São Paulo-SP. É fundador e proprietário do Instituto Sofia Higa, em São Paulo-SP, na Vila Prudente.
Esse post foi publicado em Saúde e Bem-Estar. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s